domingo, 18 de janeiro de 2015

NÃO SEI SE ACREDITAR É A MESMA COISA QUE TER FÉ!

Não sei se acreditar é a mesma coisa que ter fé! Confundo-me entre essas teorias que vem sendo colocadas ao longo dos séculos. O que eu posso dizer é que eu acredito que existe uma força invisível que me guia pelos caminhos do bem. O que eu posso afirmar é que existe uma luz que irradia sobre mim, quando eu preciso me fortalecer. O que eu posso descrever é que essa força invisível, ao qual eu chamo de Pai, foi responsável por curar minhas cicatrizes, foi responsável por enxugar minhas lágrimas, foi responsável por me manter sã, foi responsável por me fazer acreditar que eu precisava vencer os obstáculos que surgiam ao longo da estrada.  

O que posso afirmar para vocês é que essa “força invisível” é que me ajuda a aceitar as minhas falhas, é que me orienta sobre qual caminho devo seguir, é que me diz para seguir em frente. É essa “força invisível” que me guarda do mal, que me protege e me abençoa. É essa “força invisível” que me restaura, quando me sinto frágil. É essa “força invisível” que me faz acreditar que existe sempre algo melhor no fim do arco-íris. É essa “força invisível” que me fez acreditar que mesmo perdendo alguma coisa que no momento eu considerei o “fim do mundo”, ele faria algo muito melhor lá na frente. 

O que posso dizer é que eu acredito que essa “força invisível” me faz acreditar que tudo que é negativo não necessita ser fecundado, que eu necessito plantar alegria e harmonia, que eu preciso regar amor e fecundar paz...

Eu acredito nessa “força invisível” que me guia e que fortalece...