domingo, 28 de maio de 2017

Uma ''nova'' pratica danosa instala-se em Lagoa Nova,a politica do pão e circo para o seu sofrido povo

(Foto: Imagens ilustrativas de internet)

política do Pão e circo (panem et circenses, no original em Latim) como ficou conhecida, era o modo com os  líderes romanos ludibriavam  a população em geral, para mantê-la cega aos problemas sociais existem na comunidade  e de forma camuflada  enganavam  o povo com migalhas  festivas e alimentares para assim conquistar o apoio do inocente cidadão romano.

Nos dias atuais a coisa não mudou muito,festas em praça pública , lancinhos ''grátis'' e muita demagogia fazem o enredo de mais uma festa do agricultor da cidade de Lagoa Nova .A verdade é que o  sofrido homem do campo merece muitas homenagens e respeito,porem isso começa com incentivos a sua atividade de trabalho,apoio técnico e logístico para expandir suas produções.

Em síntese ,o que o homem do campo e os demais cidadãos lagoanovenses  não  precisam   da  politica do pão e circo demagógica ,mas sim  de atitudes verdadeiras  de seus gestores na busca pelo  desenvolvimento do campo e da cidade .

Já dizia o  presidente estadista americano Abraham Lincoln,Pode-se enganar a todos por algum tempo, pode-se enganar alguns por todo o tempo, mas não se pode enganar a todos todo o tempo. 

sábado, 27 de maio de 2017

Robinson troca general por delegado no comando da secretária de segurança do RN


O governador Robinson Faria anuncia a nomeação do delegado Caio César Marques Bezerra como novo Secretário de Segurança Pública e Defesa Social do RN. Caio Bezerra vinha exercendo a função de secretário-adjunto de Segurança desde o início do atual governo, acompanhando a implantação e atuando na coordenação conjunta das políticas públicas da área.
Caio Bezerra tem 42 anos, é natalense e é delegado da Polícia Federal desde 2003. Antes da polícia, foi servidor público federal por 10 anos. Já na PF, foi chefe da Delegacia de Crimes Previdenciários em Belém (PA); chefe da Delegacia de Crimes Fazendários, em Natal e Delegado Regional de Combate ao Crime Organizado da Superintendência Regional da Polícia Federal, em Brasília.
O novo secretário foi também professor da Academia Nacional de Polícia nas disciplinas Investigação de Crimes Previdenciários e Investigação de Desvios de Recursos Públicos. É pós-graduado pela Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte (Esmarn) e atualmente é aluno de Especialização em Criminologia, Política Criminal e Segurança Pública.
O governador Robinson Faria destacou a confiança em Caio Bezerra. “Caio conhece em profundidade a segurança pública e as políticas adotadas pelo nosso governo para esta área. Estou certo que dará continuidade às ações exitosas que temos conseguido no combate à criminalidade”, declarou.
Robinson agradeceu ao General Ronaldo Lundgren, que se afastou da função por questões familiares. “O general vinha fazendo um grande trabalho, que conta com nosso reconhecimento, e não pôde permanecer conosco por questões familiares. Agradeço a ele todo o empenho à frente da pasta”, afirmou.
FONTE:Blog do Barreto

terça-feira, 23 de maio de 2017

Prefeitura de Lagoa Nova cadê a água nas caixas que ficam na rua para a população carente que sofre sem o abastecimento da CAERN?


A mais ou menos 15 dias a população da cidade Lagoa Nova/RN sofre sem água na toneira.O povo cobra que o poder público administrativo apresente soluções para a falta de abastecimento  na cidade e cobre esclarecimentos a CAERN sobre essa situação caótica .As caixas  d'água portáteis colocadas em diversos cantos da cidade pela prefeitura para sanar paliativamente a situação enquanto a CAERN fecha as toneiras estão vazias.A população quer saber o que a prefeitura tem a dizer e fazer sobre  essa situação que vem afetando a vida de todos os munícipes lagoanovenses? 

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Leia diálogo de Aécio e Joesley


Transcrição da conversa entre senador tucano, alvo da Operação Patmos, e executivo do Grupo JBS, divulgada pelo site Buzzfeed Brasil, revela trama do parlamentar contra a Lava Jato

No despacho em que afastou o senador Aécio Neves (PSDB-MG) de seu mandato, o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), transcreveu trechos de um diálogo do tucano com o empresário Joesley Batista, do Grupo JBS. O site Buzzfeed Brasil divulgou nesta quinta-feira, 18, com exclusividade, a conversa que mergulha Aécio na trama contra a Lava Jato.
‘TEMOS DOIS CARAS FRÁGEIS’
Aécio — Esses vazamentos, essa porra toda, é uma ilegalidade.
Joesley — Não vai parar com essa merda?
Aécio — Cara, nós tamos vendo (…) Primeiro temos dois caras frágeis pra caralho nessa história é o Eunício [Oliveira, presidente do Senado] e o Rodrigo [Maia, presidente da Câmara], o Rodrigo especialmente também, tinha que dar uma apertada nele que nós tamos vendo o texto (…) na terça-feira.
Joesley — Texto do quê?
Aécio — Não… São duas coisas, primeiro cortar o pra trás (…) de quem doa e de quem recebeu.
Joesley — E de quem recebeu.
Aécio — Tudo. Acabar com tudo esses crimes de falsidade ideológica, papapá, que é que na, na, na mão [dupla], texto pronto nãnã. O Eunício afirmando que tá com colhão pra votar, nós tamo (sic). Porque o negócio agora não dá para ser mais na surdina, tem que ser o seguinte: todo mundo assinar, o PSDB vai assinar, o PT vai assinar, o PMDB vai assinar, tá montada. A ideia é votar na… Porque o Rodrigo devolveu aquela tal das Dez Medidas, a gente vai votar naquelas dez… Naquela merda das Dez Medidas toda essa porra. O que eu tô sentindo? Trabalhando nisso igual um louco.
Joesley — Lógico.
Aécio — O Rodrigo enquanto não chega nele essa merda direto, né?
Joesley — Todo mundo fica com essa. Não…
Aécio — E, meio de lado, não, meio de leve, meio de raspão, né, não vou morrer. O cara, cê tinha que mandar um, um, cê tem ajudado esses caras pra caralho, tinha que mandar um recado pro Rodrigo, alguém seu, tem que votar essa merda de qualquer maneira, assustar um pouco, eu tô assustando ele, entendeu? Se falar coisa sua aí… forte. Não que isso? Resolvido isso tem que entrar no abuso de autoridade… O que esse Congresso tem que fazer. Agora tá uma zona por quê? O Eunício não é o Renan.
Joesley — Já andaram batendo no Eunício aí, né? Já andaram batendo nas coisas do Eunício, negócio da empresa dele, não sei o quê.
Aécio — Ontem até… Eu voltei com o Michel ontem, só eu e o Michel, pra saber também se o cara vai bancar, entendeu? Diz que banca, porque tem que sancionar essa merda, imagina bota cara.
Joesley — E aí ele chega lá e amarela.
Aécio — Aí o povo vai pra rua e ele amarela. Apesar que a turma no torno dele, o Moreira [Franco], esse povo, o próprio [Eliseu] Padilha não vai deixar escapulir. Então chegando finalmente a porra do texto, tá na mão do Eunício.
(…)
Ministro da Justiça é “um bosta de um caralho”, diz Aécio.
Joesley — Esse é bom?
Aécio — Tá na cadeira (…). O ministro é um bosta de um caralho, que não dá um alô, peba, está passando mal de saúde pede pra sair. Michel tá doido. Veio só eu e ele ontem de São Paulo, mandou um cara lá no Osmar Serraglio, porque ele errou de novo de nomear essa porra desse (…). Porque aí mexia na PF. O que que vai acontecer agora? Vai vim um inquérito de uma porrada de gente, caralho, eles são tão bunda mole que eles não (têm) o cara que vai distribuir os inquéritos para o delegado. Você tem lá cem, sei lá, 2.000 delegados da Polícia Federal. Você tem que escolher dez caras, né?, do Moreira, que interessa a ele vai pro João.
Joesley — Pro João.
Aécio — É. O Aécio vai pro Zé (…)
[Vozes intercaladas]
Aécio — Tem que tirar esse cara.
Joesley — É, pô. Esse cara já era. Tá doido.
Aécio — E o motivo igual a esse?
Joesley — Claro. Criou o clima.
Aécio — É ele próprio já estava até preparado para sair.
Joesley — Claro. Criou o clima.
Fonte :Jornal Estadão


sexta-feira, 12 de maio de 2017

Militantes do PT se revoltaram em Curitiba:''Não pagaram a gente e roubaram até o recheio do pão''

(Foto:Reprodução de internet)

Na casta do PT, temos políticos desviando dinheiro de órgãos públicos em plena luz do dia. Basta dar uma passada pelos principais jornais do país. Não há sequer um dia em que o partido comunista não esteja envolvido em algum escândalo.
A novidade dessa vez é que a corrupção interna do partido se espalhou como um câncer e agora atingiu os mais baixos escalões da cúpula.
No último domingo (15), durante um manifesto anti-Dilma em Brasília/DF, militontos vermelhinhos queforam contratados para dar um apoio moral à presidente Rousseff, denunciaram através das redes sociais que foram contratados pela fortuna de R$ 50,00 e não receberam o cachê artístico. E não para por aí!
Dona Angelina, 48 anos, dona de casa, rasgou o verbo em sua página do facebook:
“Além deles não pagarem o valor que combinaram, o pão que deram pra gente no domingo amassou e não tinha mortadela! Me disseram que o rapaz que é encarregado de pagar a gente sumiu com o dinheiro e roubou toda a mortadela ” desabafou a militante.
A dona de casa, revoltada, já criou um evento na rede social e conta com a participação de pouco mais de 1500 pessoas. Ela explica o motivo de tanta revolta:
“Criei esse evento para incentivar meus amigos do PT a não participarem mais das passeatas. Enquanto não pagarem meus 50 reais e meu pão com mortadela, não haverá mais militância” disse.
Dona Angelina disse que irá acionar o tribunal de pequenas causas para reaver os 50 reais (com juros e correção) e as fatias de mortadela a que ela tinha direito.
Fonte:Internet

sábado, 6 de maio de 2017

Lula diz que se eleito vai mandar prender jornalistas que mentiram sobre ele


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou, na noite de sexta-feira (4), na abertura da etapa paulista do 6º congresso do PT, que se não for preso logo pode mandar prender os responsáveis por publicar informações que ele está para ser preso. No discurso, o petista prometeu, se for eleito novamente presidente em 2018, regulamentar os meios de comunicação. Lula não falou diretamente das acusações feitas contra ele hoje pelo ex-diretor da Petrobras Renato Duque, mas voltou a repetir que nunca pediu dinheiro para qualquer empresário.

Depois de se recordar das análises feitas pela imprensa após a derrota petista na eleição municipal do ano passado, Lula afirmou:'' Essa mesma imprensa que dizia que o PT acabou, dizia todo dia: amanhã, o Lula vai ser preso. Faz dois anos que eu ouço isso. Se eles não me prenderem logo, quem sabe um dia eu mando prendê-los por mentir.''

FONTE: O globo




domingo, 30 de abril de 2017

Na nova pesquisa do data folha Bolsonaro chega a 2º lugar e lula lidera


Luiz Inácio Lula da Silva (PT) mantém-se na liderança na corrida para a Presidência em 2018 segundo a primeira pesquisa do Datafolha após a delação da Odebrecht à Operação Lava Jato. Apesar de ser um dos nomes citados nos depoimentos, Lula chega a 30% das intenções de votos e amplia a distância dos demais possíveis candidatos.
Marina Silva (Rede) e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) aparecem em seguida. O político de extrema direita subiu de 9% para 15% e de 8% para 14% nos cenários em que disputam, respectivamente, os tucanos Aécio Neves e Geraldo Alckmin. Em ambos os casos Bolsonaro surge tecnicamente empatado com Marina. Em simulações de segundo turno, a candidata da Rede e o juiz Sérgio Moro são os únicos que vencem Lula.

FONTE: Veja